Histórico

Inter empata e conquista título inédito

Após 26 anos amargando o vice de 1980, a taça da Libertadores vai para o complexo do Beira-Rio e o capitão Fernandão (foto) fez a torcida colorada vibrar

Sem deixar qualquer dúvida de suas qualidades, o Internacional agüentou bem a pressão, empatou por 2 a 2 com o São Paulo e conquistou o título inédito da Copa Libertadores da América, nesta quarta-feira à noite (16), no Beira-Rio. Mantendo o espírito lutador que marcou sua trajetória nos últimos anos, o Tricolor brigou até o final, mas teve de se contentar com o terceiro vice-campeonato de sua história (1974, 1994 e 2006).

Fernandão e Tinga marcaram os gols do Colorado, que administrou bem a vantagem adquirida na vitória do Morumbi, na semana passada. O Tricolor deu trabalho e empatou o jogo duas vezes em Porto Alegre, com gols de Fabão e Lenílson. Por muito pouco a partida não foi para a prorrogação.

Rogério Ceni e Clemer falharam feio no confronto e cederam gols para os adversários. Tinga foi expulso na metade do segundo tempo por ter levantado a camisa na comemoração do segundo gol colorado. A desvantagem numérica tornou a conquista do time gaúcho ainda mais heróica.

O jogo – O São Paulo começou pressionando e o Inter entrou com três zagueiros, recuado, abusando das faltas. O árbitro não se acanhou e mostrou logo dois cartões amarelos para os jogadores colorados (Jorge Wagner e Fernandão).

Lugano perdeu um gol incrível e Danilo colocou Clemer para trabalhar. Aos poucos, o Inter se acalmou e procurou trabalhar com a bola nos pés. Rafael Sóbis e Fernandão tiveram uma chance cada e obrigaram Rogério Ceni a sair do gol.

Quando o jogo esquentava, a torcida colorada exagerou nos fogos de artifício e o árbitro foi obrigado a paralisar a partida por mais de cinco minutos por causa da fumaça que cobriu o gramado.

Após o recomeço da partida, a torcida do Internacional, que lotou o Beira-Rio, teve o que queria. Rogério Ceni falhou e soltou bola cruzada. Fabiano Eller foi esperto e desviou para Fernandão marcar, aos 29 minutos: 1 a 0.

Com a calma de quem venceu o primeiro jogo e saiu na frente no segundo, o Internacional melhorou ainda mais seu toque de bola e passou a dominar o jogo. O São Paulo foi tomado pelo nervosismo e passou a exagerar nos passes errados.

Apesar de precisar de dois gols para levar a decisão para a disputa por pênaltis, Muricy Ramalho não alterou a equipe no intervalo e sua calma deu resultado. Aos 5 minutos, Lugano desviou de cabeça dentro da área. A bola sobrou limpa para Fabão empatar o jogo: 1 a 1.

O gol recolocou o São Paulo no jogo e foi a vez do Internacional perder a tranqüilidade. Muricy sentiu que era a hora de ousar: Lenílson e Thiago entraram nas vagas de Danilo e Richarlyson.

Passado o susto inicial do empate, o Internacional se acalmou e voltou a equilibrar o jogo. O São Paulo, no entanto, continuava buscando mais o jogo.

O ímpeto do São Paulo não foi recompensado e Fabiano Eller apareceu pela direita para cruzar. Fernandão cabeceou, Ceni rebateu e o centroavante do Inter cruzou para trás na cabeça de Tinga.

Livre, o meia definiu a partida e comemorou bastante, levantando a camisa e cobrindo o próprio rosto. Seguindo as recentes orientações da Fifa, o árbitro Horacio Helizondo advertiu o jogador do Colorado. Como já tinha um cartão amarelo, Tinga foi expulso.

Novamente precisando de dois gols e agora com um homem a mais em campo, Muricy Ramalho sacou Edcarlos e escalou Alex Dias, seu quarto atacante. Abel Braga reforçou a defesa com Ediglê no lugar de Sobis.

A pressão foi grande, mas o Internacional se agüentou bem, marcando com atenção e deixando o São Paulo trocar passes longe da grande área. Uma falha incrível de Clemer, no entanto, deixou a partida ainda mais dramática.

Aos 39 minutos, Júnior chutou, o goleiro do Colorado largou e Lenílson só empurrou a bola para o fundo do gol, deixando a partida novamente empatada. Até o último segundo a tensão foi enorme em ambos os lados até que Horacio Elizondo apitasse e decretasse festa para a metade vermelha do Rio Grande do Sul.

Baixe nosso aplicativo