Junte-se ao movimento global fashion revolution…

0
2432
Fashion revolution
Fashion revolution

…e “vista a mudança que você quer ver no mundo”

Em janeiro do ano passado pesquisando conteúdos sobre moda consciente, tive o prazer de conhecer o Fashion Revolution e toda a história por trás desse movimento; desde então, mudei a minha forma de pensar, ver e consumir a moda.

Tudo coincidiu com meu processo de amadurecimento sobre consumo que vinha se adaptando desde a experiência que tive de viver em Nova Iorque, pois a vida na ‘cidade que não para’ me fez perceber que o conforto, a praticidade e o minimalismo nos fazem muito mais produtivos.

Ao longo desses últimos anos, pude vivenciar de maneira real que, ter menos, mas o essencial, fazendo escolhas acertadas e que correspondem ao nosso estilo pessoal é muito mais válido do que ter um closet lotado de peças que sequer fazem sentido para nós.

Como Visagista Philip Hallawell, tenho convicção de que não precisamos de muito para expressar estilo, pois nossa essência é única e não é a moda nem o que o mercado impõe que nos faz estilosos.

Por isso repito… “Revelar o seu estilo de maneira consciente, é agir POR VOCÊ E PELO MUNDO.”

MAS POR QUE PELO MUNDO?

Este mês, completam cinco anos do desabamento do Rana Plaza, em Bangladesh, o maior desastre mundial da indústria têxtil que, no dia 24 de abril de 2013, vitimou milhares de pessoas que trabalhavam em situação análoga à escravidão.

O lamentável fato aconteceu naquele país, mas mobilizou pessoas de todo o mundo, fazendo surgir o Fashion Revolution, um movimento que, visando uma transformação no mercado Fashion, hoje, está presente em mais de 90 países.

Infelizmente, embora tendo amplo acesso às informações, ainda vivemos, dia após dia, provocando um desastre que impacta todo o nosso Planeta.

Não há como negar, como consumidores, fazemos parte da cadeia produtiva da indústria da Moda, que é a segunda indústria mais poluente do mundo, e basta assistir aos documentários @truecostmovie e @riverbluethemovie para ter noção do mal que fazemos, diariamente, através das nossas pequenas atitudes.

Então, como apoiadora do movimento, mais uma vez, quero lhe convidar a conhecer e se juntar ao Fashion Revolution que, este ano, celebrou a Fashion Revolution Week, nos dias 23 a 29 de abril, em todo o mundo. Mas a causa continua todos os dias.

Lembre-se, é impossível expressar o melhor da sua imagem, sem pensar no próximo. Comportamento e atitude também fazem parte do estilo.