Lei polêmica já afastou 100 mil latinos do Arizona

0
440

Estudo mostra que mexicanos representam 25% deste total. Remessas também diminuíram

A Lei SB 1070, que criminaliza os indocumentados e foi introduzida em julho deste ano no Arizona, afugentou cerca de 100 mil latinos daquele estado. Pelo menos é isso que mostra o estudo produzido pela entidade BBVA Bancomer Research, com base nas estatísticas do Censo americano. A polêmica lei teve partes de seu texto bloqueadas pela Justiça, mas está recorrendo da decisão.

De acordo com os dados de 2008, o estado governado por Jen Brewer tinha cerca de 1,9 milhão de pessoas de origem hispânica, o que representava à epoca cerca de 30% da população. De acordo com o levantamento mais recente, mais de 100 mil latinos voltaram para o país natal, especialmente mexicanos quase 25 mil deles fizeram, nestes últimos meses, o caminho inverso, cruzando a fronteira americana.

Os indocumentados costumam trabalhar na área de construção civil, que foi bastante afetada pela crise econômica. Por isso, estima-se que há 720 mil mexicanos indocumentados nos Estados Unidos sem trabalho, o que motivou também o êxodo. O estudo mostra ainda que, em função disso, o valor das remessas de dinheiro para os países latino-americanos também caiu assustadoramente e somente deve voltar aos valores normais em cerca de dois ou três anos.