Lula descarta, por enquanto, possibilidade de terceiro mandato

0
627

Presidente, porém, fica feliz com pesquisa que mostrou 47% de apoio à sua reeleição

Os petistas, aliados e puxa-sacos de plantão podem desistir da idéia de um terceiro mandato para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Feliz com o resultado das pesquisas, que mostraram que 47% dos brasileiros são favoráveis a que ele permaneça no Palácio da Alvorada por mais quatro anos, mas fiel à democracia, o líder da nação descartou veementemente a possibilidade de concorrer ao cargo novamente. “Não existe essa hipótese de buscar mais um termo presidencial. Eu não brinco com a democracia, até porque foi muito difícil a gente conquistá-la”, disse Lula, acrescentando que quem quer o terceiro mandato, “pode querer o quarto, o quinto, o sexto”.

Os comentários foram feitos na Cidade da Guatemala, onde Lula foi homenageado durante sua visita oficial àquele país. O presidente disse que a alternância de poder é fundamental para a democracia, mas salientou que considera “uma hipocrisia” as críticas aos líderes latino-americanos que buscaram um terceiro mandato, como o presidente venezuelano, Hugo Chávez, ou os que pretenderiam fazê-lo, como o colombiano Álvaro Uribe.

“É muito engraçado que as mesmas críticas não são feitas aos primeiro-ministros da Europa, que ficam 16 anos ou 18 anos no poder. Lá, a pessoa é indicada por um colégio e é democrático. Aqui, a pessoa é eleita pelo povo, e não é democrático. É preciso que a gente tenha um pouco de auto-estima para valorizar a democracia”, afirmou.