Lula: “Olimpíadas em 2016 vão aumentar a autoestima do brasileiro”

0
722

Rio de Janeiro é favorito na disputa com Chicago, Madri e Tóquio pelo direito de sediar jogos

Falta pouco para que o Comitê Olímpico Internacional divulgue qual será a sede das Olimpíadas em 2016 – e o Rio de Janeiro é um forte candidato nesta disputa. A Cidade Maravilhosa recebeu mais uma manifestação de apoio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que durante a Assembleia das Nações Unidas disse que o Brasil precisa desta conquista. “Para outros países, será mais uma Olimpíada. Mas para o Brasil será algo que vai aumentar a autoestima do povo”, destacou Lula, lembrando que o país é o único entre as dez maiores economias do mundo que jamais promoveu um evento deste porte.

Outro argumento usado pelo presidente para colocar o Brasil como um dos favoritos está no fato de que, dois anos antes dos Jogos, o país sediará a Copa do Mundo de futebol, em 2014 e toda a infraestrutura necessária para receber bem atletas e turistas já estará preparada. O Senado também aprovou garantias para a realização das Olimpíadas no Rio, entre elas a criação de uma agência reguladora de transporte e tráfego durante a competição, adequações no processo de vistos a estrangeiros vinculados aos Jogos e medidas de segurança para cidade.

Mas a decisão a ser anunciada no dia 2 de outubro está ainda indefinida. O Rio disputa com Chicago, Madri e Tóquio, candidatos reconhecidamente fortes, ainda mais se for levado em conta o fato de que esta é a primeira vez que o Brasil está na final de uma eleição para a sede dos Jogos Olímpicos. “Somente países ricos têm o direito de sediar as Olimpíadas?”, indagou Lula, arrancando riso na Assembléia da ONU.