Marcelo Alfaya fora do TUF

0
675

Radicado no sul da Flórida, Marcelo “Grilo” Alfaya é professor de jiu jitsu na Academia Fitness Pompano em Pompano Beach, mas seu sonho é participar da UFC a organização mais famosa de MMA (Mixed Martial Arts), que reúne os lutadores mais conhecidos do público.
Para atingir este sonho, ele viajou para o Rio de Janeiro para participar da seletiva para do TUF Brasil um reality show nos moldes do Big Brother, que dará R$ 1,5 milhão ao vencedor e sobretudo o desejado contrato com o UFC. Nesta quarta-feira, em um hotel de luxo em São Paulo, cerca de 400 lutadores tentaram dar um passo rumo à casa do reality show, ao passarem pela seletiva para o programa. A nova atração começa dia 25 de março.

A maioria dos candidatos não foi aprovada, e entre eles estava Marcelo “Grilo” Alfaya. Segundo seu empresário, Márcio Duque, ele falhou na entrevista ao revelar que mora nos EUA. Como o show será realizado no Brasil, acabou eliminado. Apesar da decepção, Duque demonstrou tranquilidade ao revelar que eles têm outras alternativas para Alfaya chegar à UFC.

O lutador de 170 libras tem um bom currículo, com participação em competições de sete diferentes países. Algumas delas com bons resultados, conforme o próprio Alfaya contou: Fui campeão no EUA na Bellator, duas vezes campeão da Shoto, na Europa, e da M1, na Rússia.

Profissional desde 2003, o gaúcho de Porto Alegre veio de família humilde, mas soube construir sua trajetória para se tornar um lutador respeitado. Ele começou a treinar na Sul Jiu Jitsu, uma das academias mais conceituadas da capital gaúcha. Como não tinha dinheiro para pagar as mensalidades, se prontificou a limpar a academia em troca das aulas.

Para quem derrotou até mesmo a dependência da droga, nada assusta Marcelo Alfaya, hoje convertido ao Cristianismo e frequentador de uma igreja evangélica. Como ele está sempre em busca de aperfeiçoamento, começou a praticar boxe e se apaixonou pela modalidade.
“Fui praticar boxe para aumentar meu arsenal de golpes, uma vez que sou um cara vindo do jiu jitsu. Mas, estou indo muito bem e até estrearei profissionalmente em janeiro”, revelou o atleta.