Miami Heat entra na briga por uma vaga na final

0
553

Depois de vencer o Nets o time de Lebron dá mais um passo rumo à taça

Lebron James e Chris Bosh comemoram a vitória contra os Nets
Lebron James e Chris Bosh comemoram a vitória contra os Nets

DA REDAÇÃO COM OLHAR NEWS – O Miami Heat está novamente na decisão da Conferência Leste. Pelo quarto ano seguido, o tricampeão da liga americana (2006, 2012 e 2013) vai brigar por uma vaga na final da NBA.

A derrota do Nets na quarta-feira à noite em Miami teve sabor de prejuízo. O time investiu cerca de 192 milhões de dólares na campanha de 2014 e tudo terminou no último minuto na American Airlines Arena. Os Nets, que eram de New Jersey e mudaram este ano para o Brooklyn, em New York, montaram o time mais caro da história da NBA, a liga do basquete profissional dos EUA, mas acabaram saindo da competição depois de ganharem apenas um jogo em cinco rodadas.

Lebron James, a estrela maior da Liga e considerado o maior jogador de basquete do mundo, comemorou a vitória espetacular, por 94 a 92, subindo na mesa que controla o jogo para se confraternizar com os fãs do Miami Heat. A plateia estava vestida de branco em homenagem ao time que vestia o uniforme da mesma cor.

O Miami Heat agora espera o vencedor da série entre Indiana Pacers e Washington Wizards, para voltar às quadras. A decisão entre os dois times deve sair até domingo, 18 de maio.

A mídia americana foi surpreendida esta semana com uma declaração de Lebron James ao afirmar que pode boicotar a próxima temporada de basquete e liderar uma greve dos jogadores se Donald Sterling, o dono do Los Angeles Clippers, continuar à frente do time. Sterling é aquele que fez comentários racistas com a ex-namorada que acabaram chegando à mídia. Ele já foi banido do esporte e multado em 2,5 milhões de dólares, mas está resistindo em vender o time, como exigiu o comissário da NBA.

Uma greve de jogadores, como insinuou Lebron James, teria um efeito devastador sobre a NBA. Não ficou claro, entretanto, se o atleta boicotaria todos os jogos da liga no ano que vem ou apenas aqueles que envolvam os Clippers.