Mocidade Alegre é campeã do Carnaval de São Paulo

0
425

A nota triste ficou por conta da confusão no momento da apuração das notas dos jurados

A Liga Independente das Escolas de Samba decidiu manter as notas divulgadas até o momento da interrupção e declarou a escola Mocidade Alegre campeã do Grupo Especial de 2012. As escolas Camisa Verde e Branco e Pérola Negra foram rebaixadas.

A Liga se baseou no artigo 29 do regulamento, que define que, na falta de uma nota em alguma categoria, a nota maior deve ser repetida este critério dá o título do campeonato à Mocidade, que estava a apenas uma nota 9,9 do título no momento da interrupção, seguida de Rosas de Ouro e Vai-Vai.

A apuração, realizada no Sambódromo do Anhembi, foi paralisada depois que um homem invadiu a área reservada aos jurados e rasgou as cédulas com as últimas notas. Houve tumulto, incêndio e detenções.

Quando a confusão começou, a escola Mocidade Alegre estava na frente, seguida pela Rosas de Ouro e Vai-Vai. Faltavam apenas duas notas do último quesito, Comissão de Frente, para sair o resultado da vencedora do Carnaval

As escolas que não concordaram com a decisão foram Vai-Vai, Rosas de Ouro, Pérola Negra, Camisa Verde e Branco e Império de Casa Verde, agremiação à qual supostamente pertence o homem detido em flagrante por invadir e rasgar as notas. Ele já foi detido, assim como elementos da torcida Gaviões da Fiel, que estão sendo acusados de jogar coquetel molotov e provocar incêndio.