Morte de jovem negro por policiais causa protestos e tumulto em Baltimore, MD

0
847

Prefeita decretou toque de recolher e cidade está em estado de emergência

DIVULGAÇÃO
Morte de Freddie Gray foi estopim de protestos

Morte de Freddie Gray foi estopim de protestos

DA REDAÇÃO (com G1) – A morte de um jovem negro em Baltimore, no estado de Maryland na costa leste dos EUA, gerou uma série de protestos violentos durante toda a semana na cidade. Cerca de 200 pessoas foram presas. Durante os incidentes, 144 veículos e 15 imóveis foram incendiados, segundo a “CNN”. A prefeita de Baltimore declarou na noite toque de recolher na cidade.

Milhares de soldados da Guarda Nacional de Maryland estavam na cidade na terça-feira (28), em resposta ao estado de emergência declarado pelo governador Larry Hogan. A polícia de patrulhava as ruas ainda cheias de destroços e fumaça e onde manifestantes demonstraram sua revolta durante a madrugada quando carros foram queimados e lojas saqueadas.

Os novos episódios de violência em Baltimore ocorreram após o enterro do jovem negro Freddie Gray, que morreu no hospital com traumatismos depois de ser detido pela polícia. Gray faleceu devido a uma fratura na vértebra, uma semana após sua prisão em Baltimore.

Vídeos da detenção de Gray, gravados por pessoas que passavam no rua, mostram como a polícia agiu violentamente ao jogá-lo no chão. Segundo as imagens, o jovem gritava de dor antes de ser levado em uma viatura policial que fez três paradas sem explicação no trajeto até a delegacia.

Seis policiais envolvidos estão suspensos até que sejam entregues os resultados da investigação, no dia 1º de maio. O funeral, que contou com cerca de três mil pessoas, durou duas horas e meia e teve um forte viés político. O pastor Jamal Bryant disse que Freddie Gray “fez o que é proibido aos homens negros: olhar nos olhos de um policial”.

Os manifestantes, reunidos em pequenos grupos, percorreram as ruas da cidade saqueando lojas e destruindo veículos, incluindo carros da polícia. Várias pessoas invadiram um shopping e roubaram as lojas do centro comercial. Imagens feitas de helicópteros por redes de TV mostraram a multidão atirando cones, garrafas e lixeiras contra policiais, antes de quebrar vidraças e saquear lojas. Também revelaram o incêndio em um centro de atendimento a idosos em construção, sem precisar se foi alvo dos manifestantes. Desde o anúncio da morte de Freddie Gray, há protestos quase que diariamente em Baltimore.