No Brasil, queda nos índices

0
506

Indústria interrompe sinais de recuperação em abril, segundo CNI

Os principais indicadores industriais do mês de abril apresentaram recuo no Brasil, segundo dados divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). As vendas reais, que medem o faturamento da indústria, tiveram uma queda de 1,9% na comparação com março e de 10,7% ante abril de 2008. Já o emprego na indústria recuou pelo sexto mês consecutivo em relação ao mês anterior, registrando queda em abril de 1,1%. Essa é maior taxa negativa no emprego em seis anos. Comparado a abril de 2008, o número de postos de trabalho caiu 3,6%. No acumulado do ano, a queda do emprego foi de 2%.

A CNI destaca que os indicadores industriais interrompem os sinais ainda que tênues de recuperação da atividade industrial registrados nos dois meses anteriores. “O resultado de abril sugere que a indústria passa por um processo de transição entre a abrupta queda registrada no quarto trimestre de 2008 e uma recuperação que ainda não está delineada”, diz o documento.