Notícia sobre abertura de consulados permanentes nos EUA é improcedente

0
328

Cônsul adjunto em Miami esclarece o mal entendido

O jornal Correio do Brasil publicou a reprodução de uma portaria na qual a partir de segunda-feira passada (30/04), os brasileiros residente e tristas teriam à disposição nove consulados permanentes e mais 15 honorários em todo o território americano.

A portaria do Ministério das Relações Exteriores atualizando a situação consular no território norte-americano foi publicada na edição desta segunda do Diário Oficial da União e a iniciativa faria parte das negociações da presidenta Dilma Rousseff com o presidente americano, Barack Obama, no começo do mês passado, quando se reuniram em Washington.

Várias cidades foram relacionadas, mas a que chamou mais atenção foi Boca Raton, por estar situada no sul da Flórida, onde há grande concentração de brasileiros.

Para esclarecer o fato, o AcheiUSA ligou para o Consulado Geral do Brasil em Miami e foi atendido pelo cônsul adjunto Fernando Arruda. O diplomata explicou que, de fato, funciona um consulado honorário em Boca Raton, que tem como cônsul o iraniano Mujan Vahdat.

Quando o embaixador Hélio Vitor Ramos Filho (cônsul geral) soube disto ficou desgostoso. Este consulado honorário em Boca Raton perdeu completamente o sentido, com a intensificação dos consulados itinerantes. Além do mais, o titular é uma pessoa que não fala português e não tem nenhuma relação com a comunidade brasileira, revelou Arruda.

A fim de corrigir essa distorção, o cônsul geral de Miami está apenas esperando a expiração do contrato, que ocorrerá ainda neste mês de maio, para não renová-lo e extinguir completamente este consulado honorário criado em 2008.