‘O público de Miami está se acostumando com o jazz’

0
335

- Antonio Adolfo
Uma das principais atrações do Miami Jazz Fest, o pianista carioca radicado no sul da Flórida Antonio Adolfo vai se apresentar com seu quarteto no primeiro dia do evento, voltado para artistas brasileiros. Ao lado dos músicos Claudio Spiewak (violão e guitarra), Jamie Ousley (contrabaixo acústico) e Carlomagno Araya (bateria), ele vai mostrar um repertório de canções instrumentais de seus mais recentes CDs e está ansioso para o show. “O público de Miami já está se acostumando com o jazz. Estava na hora de a cidade sediar um grande festival, até porque aqui vivem grandes expoentes do gênero”, afirmou o maestro, elogiando a atitude corajosa de Cartiglia.

A produtora Ana Valente concorda e acrescenta que o momento é excelente para desmistificar o caráter excessivamente elitista do jazz.
“Música, especialmente de boa qualidade, é para o grande público”, frisa ela, lembrando que o jazz brasileiro tem, inclusive, elementos do baião, xote, samba e maracatu, ritmos essencialmente populares.

A iniciativa, inclusive, recebeu o apoio institucional do Consulado Geral do Brasil em Miami, que viu no evento um grande potencial de divulgação da cultura e dos artistas brasileiros nos Estados Unidos. A cônsul-adjunta Nássara Thomé, inclusive, vai participar da abertura dos trabalhos no dia 17, representando o embaixador Hélio Vitor Ramos Filho. “O festival veio para ficar”, aposta Ana Valente. Que os deuses do jazz digam amém.