Obama demite general e põe ordem na casa

0
582

Presidente dos EUA garante que política no Afeganistão permanece a mesma com o novo ocupante do cargo

Afirmando que não vai tolerar divisões, em especial numa questão considerada vital como é a guerra no Afeganistão, o presidente americano, Barack Obama, aceitou a renúncia do general Stanley McChrystal do cargo de comandante das tropas dos Estados Unidos naquele país da Ásia central. Na mesma reunião, o líder da nação aproveitou para anunciar David Petraeus como o novo chefe das tropas e afirmar que a política para o conflito vai continuar a mesma.

“Lamento, mas tenho certeza de que é a melhor opção para nosso país”, simplificou Obama, lembrando que os EUA estão em guerra e que este é um momento crucial para quebrar o poder do Taleban naquela região. O presidente elogiou McChrystal, que nos últimos nove anos esteve em postos chaves de comando das tropas, mas admitiu que os comentários feitos sobre sua administração não deveriam ter sido publicados. “Tenho que manter o rigor de um código de conduta, tanto para novos integrantes como para o general que comanda todos”, acrescentou Obama.

McChrystal fez duras críticas à Obama e a atuação de outros altos funcionários do governo americano. Ele já havia se reunido a portas fechadas na Casa Branca no dia anterior à demissão. O general ficou um ano no cargo e deixa o comando num momento em que o grupo radical islâmico tenta retomar sua atução no Oriente Médio.