Pergunte ao advogado: as dúvidas de imigração dos leitores

0
876
Imigração em Dia

Colaborou Renata Castro, advogada com escritório em Coral Springs (FL), telefone (954) 204-0393.

Envie sua pergunta para imigracao@acheiusa.com

Meu irmão tentou entrar nos Estados Unidos há 33 anos com montagem, foi deportado e pegaram as digitais dele. Hoje, ele tem um filho cidadão americano. É possível se legalizar através do filho? Ele ainda vive no Brasil e nunca sequer tentou imigrar. 

Renata Castro – Se seu irmão entrou nos EUA com um visto fraudulento as limitações impostas pela fraude não caducam. Portanto, não pode ser dado o perdão, infelizmente.

Meu filho entrou em processo de deportação quando era menor de idade aqui nos EUA (ele estava com 17 anos de idade), por ter entrado ilegalmente no país. Porém, saiu voluntariamente e se apresentou à Embaixada dos Estados Unidos no Brasil confirmando que regressou voluntariamente. O caso dele foi extinto em 2012 junto ao tribunal. Em fevereiro de 2022 foram cumpridos os dez anos de castigo que impediam seu regresso aos EUA. Sou a mãe dele e cidadã americana, e vou aplicar para o green card dele. Porém, por ser maior de 21 anos, o processo para ele ter o green card está muito demorado . Entretanto, a minha pergunta é: ele pode tirar um visto de estudante para ter entrada livre nos EUA (e estudar, claro) tendo a família dele vivendo no país? Sabemos que, se eu aplicar para o green card dele, ele ficará impossibilitado de conseguir visto de estudante. Aguardo resposta.

Renata Castro – É pouco provável que ele consiga um visto de estudante, tendo em vista que tem uma mãe cidadã americana e já cometeu uma violação americana anterior. Minha sugestão é que você tire o green card para ele. Incluive, nem poderia ter esperado os 10 anos. Poderia ter iniciado o processo imediatamente. Pelos meus cálculos, seu menino já estaria bem próximo da cidadania. Entre em contato com nosso escritório para fazermos uma triagem gratuita de seu caso, pois acho que temos possibilidades, pois você não foi devidamente informada sobre a maneira correta para seu filho poder imigrar para os Estaods Unidos da maneira correta.

Meus filhos possuem passaporte e visto válido e moram no Brasil. Estou planejando recebê-los aqui nos Estados Unidos no ano que vem. Tenho um processo de green card por casamento em andamento neste momento. Eles podem ter dificuldades na imigração do aeroporto quando vierem no ano que vem? Ou isso pode interferir na minha petição de green card por casamento com americana?  Essa é uma dúvida muito importante para mim. Se vocês puderem me orientar eu agradeço muito. 

Renata Castro – O fato de você estar em processo de green card e eles terem vistos de turista não interfere.Você não informa que tipo de interesse eles têm com os EUA, porque a entrada no país com visto de turista está atrelada à relação deles com o Brasil. Portanto, isto não causará impacto nem na entrada deles nos EUA e nem no seu processo de green card.

Entrei nos EUA como italiana,e estou ilegal. Gostaria de saber quanto tempo demora para eu poder voltar, caso for embora daqui?

Renata Castro – A entrada nos EUA com isenção de vistos, como é dada aos cidadãos italianos segue a mesma regra da violação de tempo de permanência nos EUA. Ou seja, se você ficou mais de 183 dias fora de status em menos de um ano, você tem de ficar fora dos EUA por três anos. Se você ficou fora de status por mais de um ano, a lei requer que você fique proibida de entrar no país por 10 anos.

Vim para o EUA pelo cai-cai com a minha família. Eu, esposa e filha. Tenho possibilidade de conseguir autorização para trabalho?

Renata Castro – As pessoas que estão entrando através do famoso cai-cai acreditam que receberão uma autorização de trabalho. No entanto, a autorização de trabalho é oriunda de uma solicitação de asilo, embasada em medo de perseguição política, de gênero, de raça, nacionalidade ou por pertencer a um grupo social em particular. Minha sugestão é que, antes de focar na autorização de trabalho, se concentre em fortalecer os argumentos para obter o asilo. Porque, se a argumentação não for bem embasada, pode inclusive acelerar o processo de deportação.

Estou nos EUA desde 2019. Meu visto de turista venceu no mesmo ano que cheguei. Minha família e eu iríamos embora nesse final de ano. Porém descobri uma doença e consegui tratamento aqui. É possível conseguir algum documento que permita retornar ao Brasil, mas continuar voltando para tratamento aqui?

Renata Castro – O diagnóstico de sua doença não necessariamente isentará você de cumprir com as penalidades imigratórias oriundas de sua violação de status. Existe a possibilidade de fazer um tratamento com visto de turista, desde que você consiga provar que tem condições de pagar. Assim, você não violará as leis imigratórias. Dentro do relatado, você diz ter conseguido o tratamento, mas não esclarece como fará o pagamento. Se for com fundos do governo, infelizmente isto não será possível.

As informações fornecidas acima não constituem aconselhamento jurídico ou geram uma relação advogado-cliente. Além disso, os interessados não devem tomar decisões baseadas apenas nas informações aqui apresentadas. É recomendado consultar com advogado para analisar cada caso individualmente.