Polícia mexicana detém 36 imigrantes ilegais cubanos

0
493

Três dos supostos traficantes presos são cubano-americanos, e o quarto é mexicano

A Polícia mexicana prendeu um grupo de 36 imigrantes ilegais cubanos na segunda-feira, 25. Eles tentavam chegar ao estado mexicano de Quintana Roo pelo Mar do Caribe. Apenas neste mês 100 pessoas foram detidas, informaram fontes oficiais.

Os cubanos estavam acompanhados de quatro supostos traficantes de pessoas, que foram levados à Procuradoria Geral da República no balneário de Cancún, de acordo com a porta-voz do órgão, Guadalupe Cerino.

Os cubanos imigrantes ilegais foram detectados pela Quinta Região Naval perto do litoral de Cancún, a cerca de 150 quilômetros do litoral cubano. Eles estão sob custódia do Instituto Nacional de Migração.

A PGR informou que três dos quatro supostos traficantes são cubano-americanos, e o quarto é mexicano. No dia 14 de junho, outros quatro tentaram levar 57 cubanos ilegalmente a Quintana Roo.