Policiais de Miami são mortos em tiroteio

0
655

Eles estavam tentando capturar um criminoso fugitivo

Dois integrantes da força policial de Miami-Dade foram mortos no cumprimento de suas funções. Roger Castillo e Amanda Haworth foram baleados durante a tentativa de prisão de um criminoso que estava foragido da Justiça e era suspeito ainda de outro assassinato. Os dois policiais estavam usando colete à prova de balas, mas não resistiram aos ferimentos.

Os tiros foram disparados por Johnny Simms, que também morreu no confronto. Outros dois oficiais participaram da operação, que aconteceu perto da esquina da NW 7th Avenue com a 69th Street. Esta foi a primeira vez em três décadas que dois policiais de Miami morreram num mesmo dia, durante uma operação. “É muito triste, pois eles estavam trabalhando. Tudo isso é um pesadelo”, disse o prefeito de Miami-Dade, Carlos Alvarez.

O caso trouxe à tona o assassinato do sargeto Chris Reyka, em Broward, ocorrido na madrugada de 10 de agosto de 2007: ele levou cinco tiros de um dos ocupantes de um carro branco estacionado no Walgreen’s de Pompano Beach (Atlantic Avenue), durante a ronda. Até hoje o crime ainda não foi solucionado.