Policial de Broward é morto em Pompano Beach

0
850

Trata-se do segundo assassinato de um oficial nos últimos três meses na região. Criminoso foi capturado em Hollywood

Pela segunda vez nos últimos três meses, um policial do Broward Sheriff’s Office foi assassinado em serviço, em Pompano Beach. Paul Rein levou vários tiros quando transportava o detento Michael Mazza para uma audiência na Corte. Mazza é considerado o principal suspeito do crime e, pelas investigações, ele teria rendido o policial e usado a arma deste para fazer os disparos. Ele foi capturado no início da tarde em Hollywood.
O crime aconteceu na Powerline Road, na manhã desta quarta-feira. Depois dos tiros, o criminoso – que cumpria pena por roubo à mão armada e porte de drogas – fugiu no veículo oficial e a corporação montou uma verdadeira operação de guerra para capturá-lo. As escolas da região foram fechadas por motivo de segurança. Mazza, de 40 anos, mora em Coral Springs e se for formalmente acusado pelo assassinato de Rein pode ser condenado à morte.
Este é o terceiro caso de ataques a policiais em Broward nos últimos quatro meses e o segundo que acabou em morte. Em agosto, o oficial Maury Hernandez foi baleado numa operação de rotina. Dias depois, o sargento Chris Reyka foi assassinado no estacionamento do Walgreens de Pompano Beach, num caso que comoveu a comunidade. “Mais uma vez perdemos um de nossos oficiais”, lamentou o sheriff Al Lamberti.