PSDB mostra unidade

0
702

Aécio e Serra garantem que apoiarão um ao outro

Um almoço para mostrar a unidade do partido é a arma do PSDB, a pouco mais de um ano das eleições. Os dois pré-candidatos do PSDB à Presidência – o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, e o colega paulista, José Serra – disseram que irão apoiar um ao outro, independente da escolha do partido de quem será o cabeça de chapa. “O Aécio é meu plano B e eu sou o plano B do Aécio. Infeliz daquele que não tem plano B”, afirmou Serra, em cerimônia com presença maciça de prefeitos do estado de São Paulo.

A afirmação de Serra serviu para dar uma alfinetada no PT, já que a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, aparece como única alternativa do partido para a sucessão de Luiz Inácio Lula da Silva. Aécio, por sua vez, fez questão de mostrar-se alinhado com o colega. “Nós temos uma enorme afinidade e uma fraterna amizade, para descontentamento de alguns. Nunca é demais lembrar que nos últimos dois pleitos, em 2002 e 2006, o partido sofreu com a escolha do presidenciável e a crise interna acabou sendo uma das causas para a derrota nas urnas.