Republicanos matam projeto sobre cotas escolares na Flórida

0
538

Um projeto que teria permitido que determinados imigrantes sem autorização legal para se encontrar no país pudessem matricular-se como residentes do estado nas universidades da Flórida morreu no congresso estadual controlado pelos republicanos. O Comitê de Assuntos Judiciário do Senado votou contra nesta quinta-feira, seguindo a orientação partidária.

O projeto teria abrangido os estudantes graduados de qualquer escola secundária da Flórida que tivessem frequentado aulas durante pelo menos três anos, independente de sua situação imigratória.

Outro projeto que teria permitido o pagamento de matrícula de residente para os filhos de imigrantes sem documentação legal, nascidos nos Estados Unidos, também morreu em outro comitê do Senado no mês passado.

A votação decepcionou um grupo de estudantes estrangeiros. Vários depuseram a favor do projeto. Mesmo se tivesse sido aprovado, teria enfrentado outros obstáculos, pois precisaria passar por mais três comitês.