Rio, Belo Horizonte e Porto Alegre reelegem seus prefeitos

0
480

São Paulo, Curitiba, Salvador e Fortaleza terão segundo turno

A realização das eleições municipais no Brasil confirmou algumas expectativas e revelou surpresas, como a queda acentuada de Celso Russomano em São Paulo (SP). Depois de ter liderado as pesquisas de intenção de voto para ser o novo prefeito da capital paulista, viu sua candidatura fazer água e agora terá de se conformar em assistir do lado de fora a disputa entre José Serra (PSDB) e Fernando Haddad (PT) ou, então, negociar algum acordo político na tentativa de transferência de seus votos para um dos postulantes ao cargo de prefeito.

 Eduardo PaesNo Rio de Janeiro (RJ), nenhuma supresa. Eduardo Paes (foto) confirmou o favoritismo e reelegeu-se com quase 65% dos votos válidos, assegurando assim a honra de ser o prefeito da cidade quando da realização dos Jogos Olímpicos de Verão no Rio de Janeiro em 2016. Ele, aliás, que esteve em Londres este ano representando a Cidade Maravilhosa.

Em Belo Horizonte (MG), a reeleição de Marcio Lacerda (PSB) demonstrou a força do senador Aécio Neves em Minas Gerais. Depois de uma disputa acirrada com Patrus Ananias (PT), Aecinho foi recebido aos gritos de presidente pelos simpatizantes da campanha de Lacerda e também do governado do estado Antonio Anastasia (PSDB).

José Fortunati (PDT) reelegeu-se com facilidade em Porto Alegre (RS), somando mais de 65% dos votos válidos, deixando para trás os outros candidatos. Manuiela Dávila (PCdoB) ficou em segundo lugar com pouco menos de 18% dos votos. Elisa Costa (PT, com 32,21% dos votos válidos, também reelegeu-se prefeita de Governador Valadares, cidade mineira de onde vêm muitos imigrantes brasileiros que vivem nos Estados Unidos. Ela é natural de João Neiva (ES) e a primeira mulher a ocupar o cargo de prefeita em Governador Valadares.

Nas demais capitais brasileiras, os resultados foram estes:

Região Sudeste: Vitória (ES) – segundo turno entre Luciano Resende (PPS) e Luiz Paulo (PSDB);

Região Sul: Curitiba (PR) – segundo turno entre Ratinho Junior (PSC) e Gustavo Fruet (PDT); Florianópolis (SC) – segundo turno entre Cesar Souza Junior (PSD) e Gean Loureiro (PMDB);

Região Nordeste: Salvador (BA) – segundo turno entre ACM Neto (DEM) e Pelegrino (PT); Recife – eleito Geraldo Julio (PSB); Fortaleza (CE) – segundo turno entre Elmano (PT) e Roberto Claudio (PSB); São Luiz (MA) – segundo turno entre Edivaldo Holanda Jr. (PTC) e Castelo (PSDB); Teresina (PI) – segundo turno entre Firmino Filho (PSDB) e Elmano Férrer (PTB); Natal (RN) – segundo turno entre Carlos Eduardo (PDT e Hermano Moraes (PMDB); Maceió (AL) – eleito Rui Palmeira (PSDB); João Pessoa (PB) – segundo turno entre Luciano Cartaxo (PT) e Cícero Lucena (PSDB); Aracaju (SE) – eleito João Alves (DEM).

Região Norte: Manaus (AM) – segundo turno entre Artur Vigilio Neto (PSDB) e Patricia Gazziotin (PC do B); Belém (PA) – segundo turno entre Edmilson Rodrigues (PSOL) e Zenaldo Coutinho (PSDB); Porto Velho (RO)- segundo turno entre Lindomar Garçon (PV) e Dr. Mauro Nazif (PSB); Macapá (AP) – segundo turno entre Roberto (PDT) e Clécio (PSOL); Rio Branco (AC) Marcus Alexandre (PT) e Tião Bocalom (PSDB); Boa Vista (RR) – Teresa (PMDB) eleita; Palmas (TO) – Carlos Amashta (PP) eleito.

Região Centro-Oeste: Goiânia (GO) – Paulo Garcia (PT) reeleito; Campo Grande (MS) – segundo turno entre Alcides Bernal (PP) e Giroto (PMDB); Cuiabá (MT) -segundo turno entre Mauro Mendes (PSB) e Lúdio (PT).