Rio de Janeiro recomeça caminhada para sediar Olimpíadas de 2016

0
485

Comitiva internacional está na cidade para conhecer projeto e infraestrutura

O Comitê Rio 2016, composto por esportistas, dirigentes e empresários que defendem a candidatura da Cidade Maravilhosa às Olimpíadas que acontecem daqui a sete anos, tirou da manga uma novidade que impressionou o Comitê Olímpico Internacional: uma praia exclusiva na Vila Olímpica foi o destaque do primeiro dia de apresentações para a comitiva de inspeção. Além disso, os organizadores do projeto carioca apostam também no parque de recreação – com a chamada “Rua Carioca” – e melhorias na infraestrutura da Barra da Tijuca para colocar o Rio em condições de disputar com outras grandes metrópoles o direito de sediar os jogos. A principal dúvida entre os executivos estrangeiros é em relação ao trânsito caótico nas regiões entre a vila e outros pontos de competição.

Agberto Guimarães, diretor de Esportes do comitê de candidatura, mostrou alguns detalhes do projeto para as instalações esportivas, divididas em quatro zonas (Maracanã, Deodoro, Barra e Copacabana). Neste aspecto, um dos pontos ressaltados foi a concentração de 14 esportes na região da Barra. “A Barra será o coração dos Jogos, já que boa parte da competição será realizada lá. Cerca de 75% dos locais de treinamentos estão posicionados a menos de 15 minutos da Vila Olímpica”, disse.

O diretor internacional do Comitê Rio 2016, Mario Cilenti, apresentou o projeto para a Vila Olímpica. Os modernos 34 edifícios (17.700 camas) propostos são acompanhados por vários atrativos que prometem encantar os atletas. As outras cidades que concorrem para sediar as Olimpíadas de 2016 são Tóquio (Japão), Madri (Espanha) e Chicago (EUA).