Salve a seleção!

0
1023

Leila Cordeiro*

Eu acho que a crítica é sempre bem-vinda quando é construtiva, quando é para ajudar a melhorar alguma coisa e não para colocá-la no fundo do poço. E isso é o que mais se vê no Facebook. Gente falando mal a torto e a direito de tudo relacionado ao Brasil. Chovem críticas das mais absurdas, mas nunca propostas, soluções para os problemas. Esse protesto coletivo contra a Copa chega a ser indecente. Afinal, quando o Brasil foi escolhido como sede o povo comemorou, foi às ruas, soltou fogos, fez festa e agora está aí querendo afundar um evento que só vai trazer benefícios ao país.

Por que naquele momento de euforia ninguém pensou na educação, na saúde, na situação de escolas e hospitais? Por que só agora essa preocupação com os serviços de atendimento no Brasil, “coincidentemente” às vésperas da eleição? O que mudou de lá para cá?

Interessante também é a turma que mora fora do Brasil. Vive reclamando, postando insultos, reclamações, mas ninguém cogita voltar pra lá para melhorar o país. Sim, porque com tanta revolta está mais do que na hora de voltar e se aliar às manifestações na rua em prol de um Brasil melhor e não ficar de longe, de camarote apontando falhas sem contribuir para uma melhor qualidade de vida lá.

Enfim, é muito triste, é lamentável ver tanta gente torcendo contra e misturando política com futebol. Quero pagar para ver se na hora em que a nossa Seleção, vestindo as cores verde e amarela, entrar em campo, se os derrotistas vão torcer contra. Se fizerem isso merecem um diploma… De quê? Bem, isso eu deixo para a imaginação de quem se interessar descobrir.

Mas sempre há tempo de se mudar de ideia. Parem com isso. Parem de torcer contra o Brasil. Parem de querer ser a palmatória do mundo e ficar espalhando a discórdia pelas redes sociais, usando inocentes úteis que se deixam inebriar por falsas retóricas e discursos vazios que não levam a nada. Parem de torcer contra o Brasil. Não vai adiantar nada essa revolta. Mudança se faz com voto. Se querem tirar as pessoas que estão hoje no poder votem contra, tentem colocar no poder quem acreditam serem os melhores. Para isso exerçam seus direitos, mas parem de fazer essa campanha sórdida contra o nosso país.

Eu moro fora do Brasil, sim, mas não saí fugida e nem porque estava revoltada, mas sim por causa de uma oportunidade de emprego que acabou me fazendo ficar no exterior. Mas não fico aqui de longe torcendo para que o país vá para o buraco. Afinal, tenho muitos amigos e familiares morando lá, então só tenho que torcer para que o nosso Brasil cresça muito, cada vez mais, dando oportunidades e boa qualidade de vida a todos os brasileiros.

E quer saber? Vai ter Copa sim!

*Jornalista