Talk to the Sherif: A Importância da política de inteligência

0
426

O que significa a adoção de uma política de inteligência? Trata-se de um recurso que o Sheriff’s Office e outras agências da lei usam para analisar informações recebidas sobre indivíduos violentos e criminosos, através de dicas e denúncias que chegam até nós, e que nos ajudam no combate ao crime. É também uma forma de aplicar nossos recuros mais eficientemente. O trabalho da nossa unidade VIPER (Violence Intervention Proactive Enforcement Response), criada em fevereiro de 2013 para combater crimes violentos, é um departamento que mais usa os recursos de inteligência.

A investigação da VIPER conta com a colaboração de outros departamentos do BSO, assim como outras agências locais, estaduais e federais, mas a comunidade tem um papel primordial para esse tipo de ação. Nenhuma agência da lei pode ser completamente efetiva sem estabelecer parcerias com a comunidade. Delegamos a todos a vigilância do que acontece em nossas vizinhanças e pedimos que atividades suspeitas sejam imediatamente comunicadas. Com essas informações, novos e reincidentes cirminosos são indentificados. Assim também conseguimos relacionar crimes que antes eram considerados como ocorrências isoladas.

Essa valiosa informação faz com que os recursos de combate sejam melhores alocados e que sejam mais facilmente identificadas as prioridades. Tradicionalmente, a polícia passa mais tempo investigando crimes que na sua prevenção. A inteligência colhida pela VIPER nos permite identificar e nos prevenir de ameaças que espreitam a comunidade. Em vez realizar batidas às cegas e outras abordagens pouco efetivas, podemos direcionar melhor os nossos recursos para um máximo de resultado.

A VIPER surgiu da combinação entre duas unidades de combate ao crime: a Regional Street Crimes Unit e o Gun Squad. Essa união permite que foquemos não apenas na posse ilegal de armas, como também nos criminosos com histórico de violência armada.

A VIPER proporcionou uma redução significativa na ocorrência de crimes violentos em curto espaço de tempo. Com mais informações sobre criminosos ativos e potenciais, fomos capazes de chegar aos 6% de criminosos que cometem aproximadamente 65% de todos os crimes violentos. Em 2013, a VIPER foi responsável pela prisão de 471 suspeitos, entre eles 337 criminosos e 134 contraventores. Além disso, a unidade confiscou 63 armas de fogo, incluindo escopetas de cano serrado, e apreendeu dezenas de milhares de dólares em dinheiro ligado ao comércio de drogas.

Ainda que os números impressionem, eles não refletem fielmente o sucesso da VIPER. Através das denúncias e dos nossos esforços, detivemos criminosos que planejavam crimes em outros condados e estados. A unidade vai continuar a identificar, perseguir, investigar e deter os criminosos mais violentos do condado de Broward, enquanto nós do Broward Sheriff’s Office vamos prosseguir buscando novos métodos para manter nossa comunidade segura.


Scott Israel é 16º Sheriff do condado de Broward. Ele foi capitão na corporação de Fort Lauderdale e chefe de polícia em North Bay Village.