Técnicas de estética brasileiras conquistam americanos

0
15467

A história de uma amizade de sucesso. As ex-diaristas que se tornaram empreendedoras

Luciana Pires
Colaboração


Lucy e Fernanda, Beleza Beauty SPA

Palavras como moda, tendência, glamour e beleza sempre vem à cabeça quando se ouve o nome da cidade de Nova York. A “capital do mundo” oferece e alimenta o sonho de milhões de americanos e imigrantes que lá chegam todos os dias com ambição de sucesso profissional. E foi em New York City que as brasileiras Fernanda Santos, de 34 anos, e Luzimar Bronfman (que prefere ser chamada de Lucy), de 39 anos, viram e aproveitaram a oportunidade de montar seu próprio negócio.

Como diria o poeta Vinícius de Morais: “Beleza é fundamental”. Para homens e mulheres que vivem em NYC estar sempre bonito é quase uma obrigação. No entanto, só os milagrosos produtos e modernos equipamentos não bastam. Com talento e as mais apuradas técnicas e noções de estética e beleza os profissionais são muito importantes e valorizados. Foi neste cenário que as amigas viram a oportunidade do empreendimento.

“Os Estados Unidos são o país das oportunidades e, para mim, a gente só não faz acontecer se não quiser” diz Fernanda.
Lucy e Fernanda chegaram para morar em New Jersey em 2004. Apesar da coincidência, elas ainda não se conheciam, a amizade só surgiu anos mais tarde quando elas trabalharam em um renomado salão de beleza no centro de New York City – NY.

Com 16 anos, ainda morando na pequena cidade de São José da Piedade em Minas Gerais, Lucy aprendeu a fazer unhas com a irmã mais velha. “Ela aprendeu comigo mas hoje faz unha melhor do que eu” diz Claudete. A natalense Fernanda revela que sempre gostou de beleza estética mas foi nos Estados Unidos que deixou de ser apenas mais uma consumidora para se tornar uma profissional do ramo. “Ver minhas clientes saírem da sala se sentindo mais bonitas e femininas é o que me fez apaixonar ainda mais pela profissão”, conta.

A ex-professora de ensino fundamental e a ex-técnica em eletrotécnica percorreram um longo caminho até montarem seu próprio negócio. O primeiro de muitos dos desafios foi o idioma. Quando chegaram, elas não falavam inglês e devido às longas jornadas diárias de trabalho não tinham tempo para frequentar as aulas. Foi com determinação e disciplina que aprenderam sozinhas. “Aprendi inglês lendo e assistindo programas infantis. Com vergonha de ser vista lendo livros para crianças eu os colocava dentro do jornal, e assim todos achavam que eu estava lendo jornal” conta Lucy. Assim que chegaram, elas trabalharam como babá, diarista, assistente de manicure e vendedora. “Eu fui diarista, mas fiz disso um degrau”, lembra Fernanda.

Ainda trabalhando como funcionárias as amigas se destacavam pela perfeição e rapidez no uso de suas técnicas. Logo elas já tinha clientes fiéis que faziam questão de serem atendidos somente por elas. “Tenho clientes que fazem unha comigo há quase 10 anos”, Lucy conta com orgulho.

Grávida da primeira filha, Fernanda decidiu que queria mais flexibilidade na sua rotina diária de trabalho, ao mesmo tempo Lucy já sonhava em trabalhar por conta própria, foi aí que a amizade se tornou sociedade.

E em janeiro de 2012, com capital próprio, elas inauguravam o Beleza BeautySpa. “Nós já tínhamos muitos clientes, o maior desafio foi o medo do novo. Mas com o dia a dia fomos aprendendo a lidar com os desafios de se administrar um negócio”, lembra Lucy.
O Spa, localizado no centro de Manhattan, oferece um atendimento diferenciado com as valorizadas técnicas brasileiras em manicure, pedicure, depilação e facial. Os clientes da classe média alta de NYC e região são atendidos com exclusividade, não há filas de espera, todos os atendimentos são agendados.

Lucy conta que a vida mudou completamente com a iniciativa de ser dona do próprio negócio. “Foi muito trabalho no início, um esforço grande, mas a recompensa está sendo maior”, disse.