Histórico

Tempestade se transforma em furacão e pode afetar o Havaí

da Folha de S. Paulo

A tempestade tropical Flossie ganhou força e se transformou em furacão nesta sexta-feira sobre o oceano Pacífico e pode afetar nas próximas 72 horas o Havaí, segundo o Serviço Meteorológico Nacional do México (SMN).

“Embora seja o segundo furacão da temporada, a previsão é que o Havaí seja a zona ameaçada”, disse o meteorologista do centro mexicano Alberto Hernández. O instituto faz previsões meteorológicas para vários países.

O último relatório divulgado pelo SMN às 10h (13h de Brasília) afirma que o furacão se dirige para oeste, saindo do litoral mexicano a 22 km/h.

Ventos de 120 km/h e seqüências de até 150 km/h acompanham o Flossie.

O fenômeno não afeta o México porque o ponto mais próximo de onde se encontra é Puerto Cortés, no Estado de Baixa Califórnia, noroeste mexicano, a mais de 3.000 km do olho do furacão.

Hernández disse que é esperado “um aumento de chuvas fortes” para a próxima semana na península de Iucatã e no sudeste do México pela presença de baixas pressões contra o Caribe, que se dirigem ao golfo do México.

Uma segunda frente analisada ainda está no centro do Atlântico. No entanto, pode se transformar no primeiro furacão a passar pelo Atlântico nesta temporada, cruzando o Caribe através de Cuba, segundo o especialista.

O meteorologista não descarta que esse furacão fique sobre o golfo do México nos dias 22 ou 23 deste mês. O furacão pode ainda pode se encaminhar para os Estados Unidos, atingindo os Estados de Louisiana e Flórida.