Temporada de furacões será intensa em 2010

0
570

Especialistas preveem a ocorrência de pelo menos três fenômenos de alta intensidade, com ventos de 111 milhas por hora

Depois de uma temporada de furacões considerada branda em 2009, os moradores do sul da Flórida podem se preparar para um ano com muito mais atividade. Especialistas acreditam que o enfraquecimento do fenômeno climático El Niño, e seu deslocamento da costa da América do Sul, vai provocar um aquecimento das águas do Oceano Atlântico, o que amplia as chances de tormentas mais fortes no Caribe e na costa leste dos Estados Unidos. A temporada de furacões começa no dia 1º de junho e vai até 30 de novembro.

De acordo com o meteorologista William Gray, da Universidade de Colorado State, a expectativa é pela ocorrência de 11 a 16 tempestades nomeadas (named storms), sendo que seis a oito vão se transformar em furacões – pelo menos três deles de alta intensidade, com ventos de 111 milhas por hora no mínimo. “Será uma temporada com atividade acima do normal”, prevê o especialista, admitindo que o panorama ainda pode mudar até junho.

Gray acredita que o El Niño vai se dissipar nos próximos meses, gerando um aumento de temperatura na superfície dos mares. A previsão diz ainda que há 64% de chance de pelo menos um furacão de alta intensidade atingir a América. A equipe da Universidade de Colorado State faz esse trabalho há 58 anos e em 44 deles acertou o prognóstico.

Veja a relação dos nomes das tempestades nomeadas para 2010:

Alex
Bonnie
Colin
Danielle
Earl
Fiona
Gaston
Hermine
Igor
Julia
Karl
Lisa
Matthew
Nicole
Otto
Paula
Richard
Shary
Tomas
Virginie
Walter