Terapia do riso para crianças na Flórida

0
544

Wellington Nogueira, da ONG brasileira ‘Doutores da Alegria’, visita UTI em hospital de Broward

Um ‘palhaço’ mudou a rotina das crianças internadas na Unidade de Terapia Intensiva e no Setor de Oncologia do Hospital de Broward (Chris Evert Children’s Hospital). Normalmente sem muitos motivos para sorrir, os pacientes se divertiram com as brincadeiras do ‘Dr. Calvin Clown’, personagem do brasileiro Wellington Nogueira, da ONG ‘Doutores da Alegria’, criada há quase 20 anos com o propósito de usar o humor como terapia de doenças. A experiência foi positiva e pode, inclusive, se transformar em uma iniciativa permanente naquele hospital, a partir da atuação de representantes da Clown Care Unit, de onde nasceu a inspiração de Wellington.

Rir faz bem à saúde e a alegria não tem contra-indicação”, afirmou o brasileiro, que esteve no sul da Flórida para partipar de um evento com o Brazilian Voices – o grupo vocal brasileiro realiza projeto semelhante, o ‘Arts & Healing’, que usa a MPB para levar alento aos pacientes. Wellington esteve também na exibição do filme ‘Doutores da Alegria’, documentário premiado de Mara Mourão, no Cinema Paradiso, em Fort Lauderdale.

No Hospital de Broward, Dr. Calvin Clown (no Brasil ele é o Dr. Zinho) interagiu com cerca de sete crianças, algumas em estado terminal, como um garoto haitiano com um tumor na cabeça. Em poucos minutos, Wellington usou sua “besteirologia”, como ele mesmo chama, para conquistar pacientes e seus familiares, bem como enfermeiros e médicos. “Tentamos sempre estabelecer uma conexão com as crianças através da alegria. Mesmo doente, elas não perdem a vontade de brincar”, explica.