Tragédia comove comunidade

0
564

Phillipe, de menos de dois anos de idade, afogou-se num lago em Coral Springs


DA REDAÇÃO – O que seria algo corriqueiro acabou transformando-se em tragédia nesta quarta-feira (15) com a morte do menino Phillipe, de menos de dois anos de idade, vítima de afogamento em um lago perto da casa de sua babá.

O infeliz acidente causou consternação em duas famílias da comunidade brasileira do sul da Flórida: nos pais da criança e em Kenia Angelim, que cuidava do menino e de outra criança, além de seus quatro filhos. Arlete, mãe de Kenia, disse que ela não tinha condições psicológicas de conversar com a reportagem de tão abalada que ficou com o ocorrido. “Ela está chorando muito”, comentou Arlete.

E não poderia ser diferente. As duas famílias sempre foram amigas e Kenia tomava conta de Phillipe para os pais Viviane e Eduardo, que chegaram aos Estados Unidos há quatro anos. Na quarta-feira, porém, o menino abriu a porta da casa e foi em direção ao lago. Quando sentiu falta da criança, Kenia começou a procurá-lo por todo o lugar e descobriu que ele havia se afogado no lago em frente à sua casa.

Logicamente, os pais estão inconsoláveis até porque Viviane enfrentou uma gravidez muito delicada tendo de ficar em repouso praticamente os nove meses. E a moça demorou três anos para conseguir engravidar. O parto foi tão complicado que ela optou por uma operação que a impede de ter filhos novamente. Ou seja, uma dor irreparável.

O velório do pequeno Phillipe está marcado para esta sexta-feira (18), entre 6 e 8 horas da noite na 2950 North State Road 7, em Margate. Consternada, a família agradece qualquer contribuição que puder ser feita pelos membros da comunidade.