Três mortos num ‘mobile park’ em Deerfield Beach

0
507

Polícia ainda investiga as causas do incidente, que também deixou duas pessoas gravemente feridas

Um impasse que começou nesta quinta-feira à noite na Highland Woods RV Park terminou nesta sexta-feira de manhã com três pessoas mortas, inclusive um menino de 9 anos de idade. Duas outras pessoas – uma mulher e um menino de 7 anos estão gravemente feridos.

De acordo com o Broward Sheriff’s Office, a tensão começou pouco antes da 6h30 da noite desta quinta-feira, com uma chamada de emergência sobre tiros disparados no local, que fica na 900 Northeast 48th Street.

Ao chegar, os policiais encontraram um homem no chão do lado de fora de um veículo recreacional (RV). Dentro de um RV que estava perto, um homem disse aos policiais que estava mantendo uma mulher como refém e a mataria se eles tentassem se aproximar.

Equipes da SWAT, de paramédicos do Corpo de Bombeiros do Broward Sheriffe outros socorristas começaram a chegar ao local e perto da cena.

Os policiais foram incapazes de persuadir o homem que fazia ameaças dentro do RV para que soltasse a refém e se rendesse pacificamente. Depois, paramédicos da SWAT foram capazes de atirar no homem que estava do lado de fora do RV, mas ele já estava morto. Segundo os investigadores, a vítima dos tiros e o homem que fez a barricada dentro do RV não se conheciam.

Houve uma informação importante por volta das 7h30 da noite quando uma mulher saiu do RV, sem nenhum tipo de ferimento. De acordo com o BSO, ela disse aos detetives que a mulher e os dois filhos do suspeito estavam lá dentro com ele.

Nas horas seguintes, membros da equipe da SWAT tentaram fazer contato com o homem que fez a barricada, mas sem sucesso.
Finalmente, por volta da 1h30 da madrugada desta sexta-feira, mais de sete horas depois do início do incidente, a equipe da SWAT do BSO SWAT e equipe da SWAT do Departamento de Polícia de Coral Springs entraram no RV.

Dentro, eles encontraram o homem e um menino de 9 anos mortos. A mulher e o menino de 7 anos foram levados para hospitais da área em estado crítico. A natureza dos ferimentos não foi revelada pelas autoridades.

As identidades das pessoas envolvidas não foram divulgadas e as autoridades continuam a investigar o que motivou o incidente fatal.