Trio de brasileiros feras do jazz toca em Davie

0
1184

Brazilian Jazz Trio se apresenta sábado (8) na Nova Southeastern University

DA REDAÇÃO

Trio de brasileiros feras do jazz toca em DavieAmantes do jazz que vivem no Sul da Flórida têm uma boa oportunidade para curtir o gênero no sábado (8), quando o Brazilian Jazz Trio se apresenta, às 8 PM, no auditório Rose & Alfred Miniaci Performing Arts Center, no campus da Nova Southeastern University (3100 Ray Ferrero, Jr Blvd, Davie). O show abre a temporada 2014-15 da South Florida Jazz, organização sem fins lucrativos que há 23 anos se dedica à divulgação do gênero na região. Formado pelos músicos Hélio Alves, pianista; Nilson Matta, baixista; e Duduka da Fonseca, baterista, o grupo toca habitualmente em países europeus e asiáticos, além de excursionar pelos Estados Unidos. Os três integrantes do trio são imigrantes brasileiros que resolveram tocar juntos ao se conhecerem nos EUA.

Nascido em São Paulo, o pianista Hélio Alves tocava clássicos e músicas pop brasileiras na adolescência, mas na época em que estudou na Berklee School of Music, em Boston, conheceu Claudio Roditi, e tornou-se grande amigo do mestre do trompete. Hélio também tocou e gravou com Paquito D’Rivera, Gato Barbieri, Airto Moreira, Flora Purim, John Patitucci, Al Foster, Leny Andrade, The Caribbean Jazz Project, Oscar Castro-Neves, Yo-Yo Ma, Hendrik Meurkens e vários outros artistas. Em 1995, ele integrou o Joe Henderson’s Double Rainbow Quartet, tocando músicas de Jobim. Hélio era conhecido simplesmente como “o pianista” nos círculos de jazz brasileiros. Seu disco de estreia, Trios, com participação de John Patitucci e Al Foster, foi lançado em 1999. Seu CD de 2010, Música, é empolgante. Tem participações de convidados especiais como Roditi e o guitarrista Romero Lubambo, do Trio da Paz.

Nilson Matta também nasceu em São Paulo e vem sendo considerado um dos melhores baixistas do mundo. Desde sua chegada em Nova York em 1985, tornou-se a primeira opção de muitos dos principais músicos americanos. Nilson permanece uma lenda no Brasil. Ele tem formação clássica e ao tocar com Yo-Yo Ma ficou amigo do saxofonista Joe Henderson, que mudou para sempre depois de visitar o Brasil. Matta também é bastante conhecido por sua habilidade em ensinar, o que tem sido demonstrado em diferentes locais nos Estados Unidos e no Brasil. Nilson dá aulas particulares para jovens baixistas, além de suas famosas aulas para os mestres. Ele também é professor no Litchfield Jazz Campus e membro e diretor do “Samba meets Jazz” em Bar Harbor, Maine.

Já Duduka da Fonseca, um ícone do jazz brasileiro, cresceu no bairro de Ipanema, no Rio de Janeiro, e começou a tocar bateria por iniciativa própria aos 13 anos de idade. Depois de liderar bandas no Brasil, imigrou para Nova York com a ideia de mesclar a cultura musical brasileira com o jazz americano. Ele imediatamente deu autenticidade ao movimento da bossa nova e samba nos EUA no final dos anos 70. Fonseca participou de mais de 200 álbuns com os melhores músicos americanos e brasileiros e é o mais requisitado baterista brasileiro nos dois países. Ele tem um toque magistral que impulsiona todas bandas, incluindo o Trio da Paz e o Brazilian Trio, do qual é um dos fundadores.