Pergunte ao advogado: as dúvidas de imigração dos leitores

0
2380
Imigração em Dia

Colaborou Renata Castro, advogada com escritório em Pompano Beach, telefone (954) 204-0393.

Envie sua pergunta para imigracao@acheiusa.com

Entrei com visto de turista em 2000 e morei ilegal até 2008. Tive um filho que nasceu nos EUA. Viemos para o Brasil por vontade própria, meu filho nasceu em 2007, algum dia ele pode me legalizar?

Renata Castro – O fato de o seu filho ter nascido nos Estados Unidos permite que, quando ele completar 21 anos, ele dê entrada no seu green card. Desde que você não tenha cometido nenhum tipo de fraude, levando em conta a legislação atual.

Vim pelo cai-cai há dois anos. Não entrei com pedido de asilo no período de um ano, tenho Corte marcada para este ano. Eu ainda posso solicitar asilo?

Renata Castro – Ainda é possível você solicitar asilo, desde que você demonstre que houve uma circunstância extraordinária que impediu o protocolo do caso no período de um ano. Caso você não consiga prevalecer nessa argumentação, ainda é possível solicitar uma proteção chamada Whithholding of Removal, uma proteção humanitária que não leva ao green card, mas que permitiria que você ficasse nos EUA de forma legal. 

Morei nos EUA como turista, dias antes do meu prazo se expirar, eu fui assaltado dentro do hostel, levaram todos meus documentos, passaporte, dinheiro, etc.  Fiz ocorrência, a polícia foi ao local, estava sozinho, acabei perdendo o prazo de me retirar, pois não conseguia receber dinheiro do Brasil, pois não tinha documentos para sacar dinheiro e para check-in. Consigo voltar aos EUA como turista ou terei problemas? 

Renata Castro – O mero fato de você ter atrasado alguns dias na sua saída, não é suficiente para bloquear sua entrada nos Estados Unidos permanentemente. Vai ser importante analisar se quando você entrou no País, você disse que faria turismo, que ficaria dez dias e acabou ficando seis meses. Se houve algum tipo de discrepância nas informações e até mesmo se você trabalhou. A minha sugestão é que você de posse do boletim de ocorrência explique a situação para o agente imigratório na sua nova tentativa de entrada. 

Tenho visto de turista e um empregador está disposto a me dar o EB-3. O processo é muito longo?

Renata Castro – O processo de patrocínio de um green card por meio de oferta de trabalho, conhecido como PERM, atualmente leva entre um ano e meio e dois anos. Você não poderá permanecer fora de status até que seu Labor Certification seja emitido, desde que haja cotas disponíveis. Você teria que ter um status imigratório alternativo enquanto aguarda o trâmite do seu caso.

Entrei pelos EUA pela fronteira do Canadá. Tenho duas filhas que nasceram aqui. Eu tenho chance de me legalizar?

A sua entrada pela fronteira do Canadá, se ocorreu sem inspeção por agentes imigratórios, não permitirá que você se legalize por meio das suas filhas cidadãs americanas, salvo se uma delas decidir se alistar nas Forças Armadas, Exército, Marinha, Aeronáutica ou Guarda Costeira. 

As informações fornecidas acima não constituem aconselhamento jurídico ou geram uma relação advogado-cliente. Além disso, os interessados não devem tomar decisões baseadas apenas nas informações aqui apresentadas. É recomendado consultar com advogado para analisar cada caso individualmente.