Pergunte ao advogado: as dúvidas de imigração dos leitores

0
5325
Imigração em Dia

Envie sua pergunta para imigracao@acheiusa.com, que ela será respondida na medida do possível.

Ludo Gardini, advogado de imigração, telefone (855)337-8440.


Namoro com uma pessoa que tem green card. Estive nos EUA há uma semana, fiquei 15 dias e tiramos a licença do casamento.  Li na internet que não posso casar com visto de turista antes de 90 dias em solo americano. Sou servidora pública no brasil e iria tirar uma licença agora no trabalho para ir para os EUA. Posso entrar como turista mesmo sendo casada com ele? A imigração tem acesso a isso?

Gardini – Sim, você pode entrar como turista mesmo estando casada com um cidadão americano. O risco existe se você falar na imigração quando entrar e falar que veio para fazer o green card. Pois lembre-se que o visto de turista é um visto de não imigrante. Talvez fosse interessante você fazer o processo de green card através do Consulado americano no Rio de Janeiro.

Eu estou nos EUA há quase um ano ilegal. Minha mãe quer vir me visitar, então preenchi o formulário para ela. Na seguinte questão: você tem familiar nos EUA? Eu respondi não, porque fiquei com medo da imigração. Quando ela foi na entrevista, o agente consular perguntou para ela sobre os filhos, e então ela mentiu dizendo que eu estava morando com ela no Brasil. Então o agente negou o visto dela dizendo que ela estava mentindo, que eu já estava nos EUA. Como proceder depois do visto negado?

Gardini – Isso é um problema muito, mas muito grande mesmo, pois fraude ou mentira no pedido de visto é um castigo permanente, ou seja, ele dura para sempre e nunca vencerá. Isso quer dizer que sua mãe nunca mais vai conseguir o visto. Mas, existe uma esperança no fim do túnel. Para alguns casos de razões humanitárias existe um pedido de perdão onde sua mãe poderia aplicar, mas enquanto você estiver indocumentado nos EUA isso não será concedido.

Minha irmã morou seis anos ilegal nos EUA. Voltou pra o Brasil e seis meses (em 2001) veio passar Natal aqui, entrou sem problema. Daí foi até Montreal de carro. Quando tentou voltar eles deportaram ela. Isso foi em janeiro de 2001. Ela tem 50 anos, tem apartamento próprio e é aposentada por invalidez. Ela pode tentar o visto agora?

Gardini – Sim, ela pode tentar o visto agora. Ela tinha um castigo de 10 anos que foi cumprido em 2011. Ainda sim, ela vai ter que provar que ela não tem a intenção de ficar nos EUA indocumentada. Ela terá que provar vínculos suficientes com o Brasil e provar para imigração que ela não ficará indocumentada nos EUA. E por favor, ela não deveria omitir o fato do que aconteceu com ela no passado, pois se isso acontecer ela poderá ter um castigo permanente.

Entrei nos Estados Unidos em julho com visto de turista e comecei um relacionamento com um cidadão francês, que possui empresa nos Estados Unidos. Ele tem visto de investidor. Meu prazo legal acaba em janeiro e pretendemos nos casar para que eu possa ficar legal. Esse processo pode ser feito nos Estados Unidos ou precisa ser feito na França? Preciso sair dos EUA ou posso permanecer em espera até minha permissão de trabalho sair?

Gardini – Se o visto de investidor dele for um E-1 ou E-2 é melhor que você faça o pedido do visto novo no Brasil, isso te daria a liberdade de você entrar e sair dos EUA normalmente sem ter problema depois caso você resolva sair.

Meu pai tem green card desde 2013, mas não mora nos Estados Unidos, ele fica indo e vindo de 6 e 6 meses. Eu gostaria de saber se ele pode aplicar para o green card para mim que tenho 40 anos e solteiro. Se for possível, quanto tempo leva?

Gardini – Sim ele pode e deve aplicar o green card para você. A espera é em média de seis a sete anos agora e se você se casar infelizmente a petição do seu pai para você ficará inválida, pois pai/mãe com green card somente pode pedir para filhos solteiros, independentemente da idade. 

Em 2017 pedi uma extensão de visto por mais quatro meses e fiquei esperando a resposta. Como demorou muito achei melhor ir embora, não queria complicações. Ao chegar no Brasil tive a resposta que havia sido negado, mas já estava no Brasil. Entrei em contato com o consulado e eles me disseram que eu permanecia com meu visto. Comprei passagem para San Francisco e ao chegar no aeroporto fui encaminhada para a salinha e não entrei porque disseram que meu visto estava cancelado. Como posso resolver isso?

Gardini – Sinto muito que isso tenha ocorrido com você. o melhor caminho será ir ao consulado e tirar um visto novo. Provavelmente seu visto foi cancelado pelo CBP que é o departamento que cuida dos aeroportos.